EN

FESTIVAL E ACADEMIA VERÃO CLÁSSICO 2020 COM EXCELENTE BALANÇO

Festival e Academia VERÃO CLÁSSICO 2020 com excelente balanço

 

O balanço da 6.ª edição do Festival e Academia VERÃO CLÁSSICO é de enorme sucesso, artística e pedagogicamente, apesar das dificuldades e restrições causadas pela pandemia da COVID-19.

Tal como previsto, o VERÃO CLÁSSICO 2020 decorreu entre 26 de julho e 4 de agosto de 2020, em Lisboa. Incluiu sete concertos e centenas de Masterclasses com a participação de músicos e professores oriundos de algumas das mais prestigiadas instituições internacionais de ensino e solistas das melhores orquestras mundiais.

Tal como aconteceu em 2019, as Masterclasses VERÃO CLÁSSICO tiveram em 2020 a participação de 200 jovens músicos, 100 dos quais portugueses e 100 oriundos de mais de 20 países. Destaque ainda para os concertos que tiveram esgotada a lotação permitida.

 

A imprensa nacional cobriu o evento de forma significativa, como por exemplo:

Reportagem da RTP: https://www.rtp.pt/noticias/cultura/festival-verao-classico-em-lisboa_v1247624

Artigo no Observador: https://observador.pt/2020/07/20/festival-verao-classico-com-sete-concertos-e-mais-de-500-aulas-abertas-a-partir-de-domingo/

Destaque ainda para a cobertura do Expresso que publicou:

“6ª edição do Verão Clássico, o evento estival por excelência na capital onde ocupa o lugar de honra da música clássica. 

Desde 2015 que o Verão Clássico tem crescido, mostrando o lado resiliente da cultura. Lutando contra ventos e marés, o diretor do festival conseguiu a proeza de expandir o evento por novos recintos como os do Palácio Fronteira, o Thalia, o Palácio das Laranjeiras e o Conservatório Nacional de Lisboa. É neles que o festival desenvolverá a outra vertente, a educativa-pedagógica dirigida a 200 instrumentistas inscritos para aperfeiçoamento em masterclasses lecionadas sob a orientação de músicos de excelência internacional como os violinistas Jack Liebeck, Mihaela Martin e Tedi Papavrami, o contrabaixista Janne Saksala, a cantora Anna Samuil, os violoncelistas Gary Hoffman, Kyril Zlotnikov e Frans Helmerson, o clarinetista Pascal Moraguès e os pianistas Eldar Nebolsin e Henri Sigfridsson, entre muitos outros. 

Merece registo esta conjugação em Lisboa, no espaço de dez dias de músicos de primeiríssima ordem. 

O evento, aberto a todos os públicos e com alguns recitais de entrada livre, terá momentos excelsos como os dos três maiores espetáculos designados como Masterfest apresentados no Teatro Thalia.” In Expresso, 25.07.2020, por Ana Rocha

 

Internacionalmente, é de realçar a presença em Lisboa do principal site francês de música clássica, Classiquenews, que publicou um excelente artigo sobre o Verão Clássico, em http://www.classiquenews.com/compte-rendu-festival-lisbonne-verao-classico-2020-a-lecole-de-lexcellence-musicale/ e que realçou:

“O Verão Clássico ressoa como um bálsamo contra o silêncio e o isolamento impostos pela pandemia da COVID-19. Graças a Filipe Pinto-Ribeiro, alunos e professores partilham, experimentam, aprofundam-se, para grande prazer do público do festival que, como testemunha privilegiada, pode acompanhar passo a passo as etapas do trabalho instrumental solístico e ainda as delícias da partilha musical porque, à noite, os concertos misturam talentos experientes e temperamentos jovens que enfrentam os desafios da música coletiva e de câmara. Uma experiência fascinante para o público e para os músicos. 

Máscaras colocadas, distanciamentos respeitados, as sessões de trabalho e os concertos sucedem-se em ritmo contínuo.

Esta edição assume uma nova forma, brilhando em Lisboa, e não apenas no Centro Cultural de Belém que até então era o seu local habitual. O Teatro Thalia, integrado no Palácio das Laranjeiras, tal como o Palácio dos Marqueses da Fronteira (e os seus notáveis ​​azulejos do séc. XVIII), oferecem aos músicos, que ali realizam concertos e masterclasses, dois espaços de prestígio. Além de ser um berço notável de jovens artistas, orientados por experientes solistas, o Verão Clássico é agora um novo destino com elevado valor patrimonial.

Os 10 dias do Verão Clássico evidenciam assim um trabalho permanente, a vontade comum de superação, a procura do prazer, a excelência e a cumplicidade. Os professores convidados por Filipe Pinto-Ribeiro são todos solistas consagrados, professores cobiçados, oferecendo aos 200 alunos presentes este ano uma oportunidade única de continuarem a aperfeiçoar as suas capacidades instrumentais. Ao longo da estada em Lisboa, os músicos oferecem ao público um estimulante e reconfortante banho de música; uma pausa neste verão de todos os desafios, um resultado real que se assume como uma fuga libertadora.” In Classiquenews, 28.08.2020, por Lucas Irom

 

Estão a ser publicados diariamente vídeos e fotografias do Verão Clássico nas respetivas páginas:

- no Facebook: https://www.facebook.com/VeraoClassicoClassicalSummer

- no Instagram: https://www.instagram.com/veraoclassico/

 

Para esta edição de 2020, o VERÃO CLÁSSICO recebeu Professores de reputação mundial, oriundos de renomados Conservatórios e Universidades, como Berlim, Londres, Paris, Madrid, Colónia e Genebra, e de orquestras de excelência, nomeadamente solistas da Orquestra Filarmónica de Berlim, Orquestra Real do Concertgebow de Amesterdão, da Orquestra da Rádio da Baviera e da Orquestra de Paris:

 

Filipe Pinto-Ribeiro (Portugal) : Piano

Diretor Artístico e Pedagógico

 

Eldar Nebolsin (Rússia) : Piano

Professor da Escola Superior de Música "Hanns Eisler" de Berlim

 

Henri Sigfridsson (Finlândia) : Piano

Professor da Universidade das Artes Folkwang de Essen

 

Anna Samuil (Rússia) : Canto

Solista da Ópera Estatal de Berlim e Professora da Escola Superior de Música "Hanns Eisler” de Berlim

 

Mihaela Martin (Roménia) : Violino

Professora da Escola Superior de Música de Colónia, da Academia Kronberg e da Academia Barenboim-Said de Berlim

 

Jack Liebeck (Reino Unido) : Violino

Professor da Real Academia de Música de Londres

 

Tedi Papavrami (Albânia) : Violino

Professor da Escola Superior de Música de Genebra

 

Miguel da Silva (França/Suíça) : Viola

Professor da Capela Musical Rainha Elisabete da Bélgica

 

Frans Helmerson (Suécia) : Violoncelo

Professor da Academia Kronberg e da Academia Barenboim-Said de Berlim

 

Kyril Zlotnikov (Israel) : Violoncelo

Violoncelista do Quarteto de Cordas de Jerusalém

 

Janne Saksala (Finlândia) : Contrabaixo

1.º Contrabaixo Solo da Orquestra Filarmónica de Berlim e Professor da Escola Superior de Música "Hanns Eisler" de Berlim

 

Emily Beynon (Reino Unido) : Flauta

1.ª Flauta Solo da Orquestra Real Concertgebow de Amesterdão

 

Ramón Ortega Quero (Espanha) : Oboé

1.º Oboé Solo da Orquestra Sinfónica da Rádio da Baviera de Munique

 

Pascal Moraguès (França) : Clarinete

1.º Clarinete Solo da Orquestra de Paris, Professor da Escola Superior de Música Rainha Sofia de Madrid, da Escola Superior de Música de Lausanne e do Conservatório Superior de Paris 

 

A 7.ª edição do Festival e Academia VERÃO CLÁSSICO realizar-se-á de 1 a 10 de agosto de 2020, em Lisboa.

 

Site oficial do VERÃO CLÁSSICO: https://www.veraoclassico.com/

Contacto: info@veraoclassico.com

Partilhar nas redes sociais